Minha família

Minha família
Turma da pesada!!!!

Seguidores

Essa aqui sou Eu!!!!!

Minha foto
Tenho 43 anos, pinto, bordo, costuro e ainda trabalho fora. Comecei cedo a brincar com artesanato,Meu primeiro trabalho nunca esqueci, um beija flor alaranjado(so tinha um vidro de laranja e um de preto) mas acho que ficou interesante pois minha mãe me encheu de tinta e pinceis, tinha 12 anos e pintava com uma furia. naquele tempo não havia variedade de revista, só riscos que comprávamos na papelaria. pintei com a cara e a coragem por 6 anos até que fui fazer curso na profissional ai endoideci fiz pintura, arte aplicada, flores, bordado a mão, corte costura tudo que aparecia eu encarava. Fui seguindo o artesanato por todos esses anos, uma aulinha aqui, uma revista ali, tudo que aparece-se na tv. Até que achei a net, ai pirei de vez, todo dia acho algo novo que com um pouquinho de paciência consigo aprender. Sou isso uma Artesã com muito orgulho!!!!!

sábado, 30 de janeiro de 2010

Miscelania

Plagiando um autor brasileiro Davi o dono da porquinha cor de rosa. Dei a bichinha pra minha sobrinha Karoll no natal. Quando ele pos os olhos, pediu pra si e não larga mais. Menino levado se derrete com essa porquinha.
Em novenbro de 2008 as !7:oo com chuva passei nesse trecho da BR 101 e comentei ta escorrendo parce sorvete deretido. Por volta de 11:00 da noite veio a noticia a barreira caiu na pista. hoje o paredão de concreto esta la nos avisando o que anatureza é capaz.

Meninas fui a praia! depois de muito tempo tirei meu biquine da naftalina e Meu Gato da cama e fomos pra pinheira não tinha sol e o mar estava delicioso. na volta viemos pela Enseada de brito recanto bucolico de nossa cidade, Igreja centenaria, Mar e criação de ostra. Foi uma tarde deliciosa

Coelhinhos,coelhinhos vamos começar a pensar na Páscoa!!!
Esse fiz com um molde Tilda que encontrei na net . Já fiz a alguns dias e ficou muito fofo.



Essa menina bonita é a Laila a mais nova integrante do nosso zoológico. Grandona, manhosa comporta-se como um bebezão e só obedece o dono meu Irmão

Ta rindo do que?


Bom dia meninas! Aproveitei a sexta da forma que mais gosto, filme e comida.
Tá rindo do que, estava na prateleira de comedia e como adoro o cara (Adam Sandler) Meu Gato pegou o dito cujo. Só faltei chorar, imagine um palhaço morrendo e se descobrindo. No fim a " comedia" se revelou um drama sobre amizade(Essa é a minha opinião é claro).
Comediante famoso descobre que tem doença rara e sem grandes perspectivas de cura, sem amigos e não querendo piedade contrata um jovem comediante pra assistente, ai a coisa entorna né. O filme é bom sim, mas eu ri muito pouco. Amizade é assim de onde menos se esperar é que sai. Pra comer fiz arroz com brocolis ( não tem foto não deu tempo hihihih), um tipo de risoto verde que Meu Gato adora. Quanto mais mato melhor. Arroz, brocolis, milho, ervilha, cebola, cebolinha verde, azeitonas e muito amor.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010


Tá certo fim de semana pra mim rima com filme, seja na tv, video cassete ( eu ainda tenho um que funciona e um acervo de 600 títulos), DVD ou cinema.
Se beber não case- comedia muito doida, perder seu melhor amigo não é fácil, o problema é perde lo na véspera do casamento.KKKKKKKKKKKKK
Muito bizarro e vc se pega pensando que fim sera que o danado levou. Gostei fechou bem a noite, só não recomendo a menores de 16 anos, muito palavrão (To ficando velha).


Sexta- feira+ Locadora= A garota infernal- terror básico pensei eu, cai do cavalo é terror mas com toques de humor, A
gostosa da escola ( leia-se Rainha da cocada) convence sua amiguinha nerd a ir num bailinho fureca, e pra azar das 2 ela é escolhida pra ritual satânico de Sucesso ( Que não deu muito certo é claro). A devoradora que surge é muito engraçada, e o filme se torna cômico pela quantidade de sangue que jorra da tela e pelo destino imposto a jovem nerd. Ha puxa também pelo lado erótico claro. Terror, sexo e sangue.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Fim de Semana

Essa foto era par ta la embaixo junto com os pasteleiro mas não sei o que aconteceu HIHIHIH


Fim de semana Cheio: sexta costurei uma bolsa estampada de orquídea modelo bem basiquinho que cabe um mundo dentro.



Sábado fiz minha1 aula de scrapbooking. Já faz algum tempo que namorava essa arte. Demorei pra me aventurar 1º o material é caro, depois eu só via em revistas e não achava nada básico pra começar até que Meu Gato me levou ao cinema no Floripa shooping e achei a vitrina da ScrapMund, fiquei apaixonada, na segunda vez que namorei a vitrina a loja estava aberta e ele deu a maior força pra entrar e ver o preço da aula. De cara gostei, fui super bem atendida e voltei pra casa com o cartão da loja pra poder procurar o blog. Marquei aula e fui conhecer a Marcia,(profª) , A Maga ( Que lutava com o pc) E Karem ( aluna que fez o sorteio).

Esta foi a Primeira pagina do kit que montei, ficou linda so falta agora escolher a foto que vou usar. A técnica tem termo em inglês e pra ser sincera não lembro de nenhum, mas com o tempo aprendo.

Essa foi minha segunda pagina, como já estava mais descontraida inverti a idéia original e mudei as posições Acho que posso me orgulhar ficou linda.
Passei uma tarde agradavel e fiz novas amizades.


Dia cheio esse. Combinei com minha cunhada pastel na sogra
E la fomos nos os quatro brincar de casinha no fogão alheio . Depois de muitos pasteis:








A cozinha até que ficou organizadinha no começo Mas quando acabamos eu não tive coragem pra fotografar hihihi. Sono Que te quero sono depois de um dia tão cheio.
Esqueci de contar: Sabado fui sorteada no blog da Scrap Mund e ganhei um kit com 10 tintas lindas
Domingo lindo passei o dia na cama vendo filmes : Mulher invisível- brasileiro lindo romântico e divertido. Invasores de mentes- Ação do começo ao fim. Pagando bem que mal tem - Dupla em dificuldades resolve fazer filme porno pra pagar as contas mas as coisas saem do controle. Hilario e pesado.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Zilda Arns


Zilda Arns
por Daniela Pessoa | 13/01/2010
Uma grande lição de amor ao próximo e à vida

Ela escolheu a medicina, mais do que profissão, como uma missão de vida. Zilda Arns, médica pediatra e sanitarista nascida em Santa Catarina, enveredou pelos caminhos da saúde pública para salvar crianças pobres da mortalidade infantil, da desnutrição e da violência familiar e social. A solidariedade estava no sangue e o desejo de ajudar o próximo era inabalável. Vítima do terremoto que assolou, no dia 12 de janeiro, o Haiti, a médica tinha 73 anos, morava em Curitiba e deixa cinco filhos, dez netos, mais uma grande lição de amor ao próximo, de vida.

Representante da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), do Conselho Nacional de Saúde e membro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), Zilda estava em uma missão humanitária e, no momento do terremoto, andava pelas ruas com um sargento do Exército brasileiro. Ela faleceu nos escombros.

“ Irmã de Dom Paulo Evaristo Arns, Zilda foi mãe dedicada de seus próprios filhos, mas o povo era a sua segunda família. Em especial as crianças. Ela desenvolveu uma metodologia que incluía a educação como fonte de prevenção de doenças e da marginalidade social”

Em 1980, Zilda Arns já havia sido convidada para coordenar a campanha de vacinação Sabin no combater à primeira epidemia de poliomielite, criando um método próprio mais tarde adotado pelo Ministério da Saúde. Em 1983, fundou a Pastoral da Criança, apoiada pela Unicef e atuante em 27 países, tornando-se coordenadora nacional da organização. Em 2004, foi a vez da Pastoral da Pessoa Idosa. Ambos são organismos de ação social da CNBB.

A médica era uma mulher que vivia para a assistência humanitária e essa foi sua grande lição. Em 27 anos de trabalho, a Pastoral da Criança conta com a ajuda de mais de 260 mil voluntários e atende quase 2 milhões de gestantes e crianças menores de seis anos, além de 1,4 milhão de famílias pobres em 4.063 municípios brasileiros.

Irmã de Dom Paulo Evaristo Arns, Zilda foi mãe dedicada de seus próprios filhos, mas o povo era a sua segunda família. Em especial as crianças. Ela desenvolveu uma metodologia que incluía a educação como fonte de prevenção de doenças e da marginalidade social. Um dos principais projetos coordenados pela médica era o de alimentação enriquecida, que visava educar as populações carentes sobre as formas de enriquecer a alimentação do dia a dia com alimentos disponíveis na região.

Não à toa, o reconhecimento por seu trabalho atravessou fronteiras. Zilda Arns participou de eventos em diversos países da África, Europa, além de percorrer toda a América Latina divulgando o trabalho da Pastoral da Criança.

Sua atuação rendeu diversos prêmios e homenagens no Brasil e no mundo, como a comenda da Ordem do Rio Branco (2001), Prêmio de Direitos Humanos (USP / 2000), Personalidade Brasileira de Destaque no Trabalho em Prol da Saúde da Criança (conferido em 1998 pela Unicef), Heroína da Saúde Pública das Américas (conferido pela Organização Pan-Americana de Saúde em 2002).

O prêmio Woodrow Wilson veio em 2007, o Opus Prize, da Opus Prize Foundation (EUA), chegou em 2006 pelo inovador programa de saúde pública que ajuda milhares de famílias carentes. Além disso, Zilda recebeu o título de doutor honoris causa em cinco universidades, entre outros prêmios. Em 2001, a Pastoral da Criança brasileira concorreu ao Prêmio Nobel da Paz, conferido ao então secretário-geral da ONU, Kofi Annan.

O governo paranaense decretou luto oficial por três dias. Que esse tempo possa servir para todos nós refletirmos sobre o legado humanitário de Zilda Arns e nos inspirarmos nessa mulher que abraçou o Brasil e o mundo.

O texto acima não é meu, pois não consegui escrever nada sobre essa catarinense sem ir as lagrimas. Cada vez que a via nas noticias, tinha muito orgulho dela, pois era uma mulher especial bem como diz a nota. Quando vi a noticia me pus a pensar 9Chorando pra variar) devem estar faltando anjos lá em cima, só isso pra explicar essa morte. O anjo que na terra olhava nossas mulheres e crianças carentes foi pro céu nos olhar lá de cima. Que ela descanse em paz,e que seus sonhos e projetos não se vão com ela.

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Oi meninas ganhei mais um selinho, esse foi minha amiga Marilia quem me indicou, ja faz uns dias, tenho que indicar cinco amigas pro selinho, mas vou quebrar as regras(HIHIHIHIHI) todas as minhas amigas que me visita são especiais e podem copiar o bichinho. beijos a todas.

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Avatar


Avatar : filme de ficção científica escrito e dirigido por James Cameron, estrelando Sam Worthington, Zoë Saldaña, Sigourney Weaver e Stephen Lang. O filme concentra-se num conflito épico em Pandora, uma das luas de Polifemo. Em Pandora, os colonizadores humanos e os nativos humanóides, os Na'vi, entram em guerra pelos recursos do planeta e a continuação da existência da espécie nativaNo ano 2154 DC,[13] uma corporativa humana explora minério em Pandora, a 4.4 anos-luz da Terra. Os humanos têm o objetivo de explorar em Pandora as reservas de um precioso minério chamado Unobtanium. Parker Selfridge (Giovanni Ribisi), chefe da operação mineradora, emprega ex-soldados e ex-fuzileiros como mercenários.Pandora é habitado por uma espécie indígena paleolítica de humanóides chamada Na'vi. Medindo quase 3 metros de altura, com caudas, ossos naturalmente reforçados com fibra de carbono e pelo bioluminescente, os Na'vi vivem em harmonia com a natureza e são considerados primitivos pelos humanos. Eles veneram uma deusa chamada Eywa. Os humanos não são capazes de respirar na atmosfera de Pandora, a qual é rica em dióxido de carbono, metano e amônia. Além disso, não têm uma convivência pacífica com os Na'vi por não entenderem sua cultura de venerar a natureza.Os pesquisadores humanos coordenados por Dra. Grace Augustine (Sigourney Weaver) criaram o Programa Avatar, híbridos humano-Na'vi geneticamente modificados. Um humano que compartilhe material genético com um Avatar é mentalmente ligado e pode se conectar através de conexões neurais que permitem o controle do corpo do Avatar. Jake Sully (Sam Worthington) é um ex-fuzileiro paraplégico, que vai para Pandora querendo dinheiro para uma operação que o curaria da paralisia. O irmão gêmeo de Jake, Thomas, era um cientista do programa Avatar, e Jake é chamado para assumir seu lugar no programa por sua similaridade genética que permitiria compatibilidade com o Avatar do irmão. Dra. Augustine não fica contente com a substituição, pois o irmão de Jake era um cientista com anos de treinamento para participar do programa. Jake, por sua vez, nunca usou um Avatar e não tem nenhum conhecimento sobre a cultura Na'vi. A equipe de pesquisa deixa que ele participe do programa.Daqui pra frente vc tem que ir ao cinema e assistir ao filme. Ação, aventura, romance e ficção científica, foi o que encontrei ontem a tarde numa sala de cinema. Os efeitos especiais são bárbaros, tudo é lindo. A floresta, os Na'vi, os animais não são nada do que se espera num filme desse tipo. Visual primoroso. Eu vi no filme tudo que nos próprios fizemos e estamos fazendo a gerações com nosso planeta e com nossos Índios. Fora isso, vá o visual é lindo a historia é interessante e quem sabe alguns saiam do cinema pensando um pouquinho sobre a nossa própria Pandora( Terra) .

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Desabafando.


Inspirada por minha amiga Marília, lá vai meu desabafo:
21 anos trabalhando na mesma função dentro da empresa da familia,(faz 31 anos que concertamos geladeira) tem dias que quero que todas as geladeiras do mundo sumam. Meu grande sonho ir embora e nunca mais chegar perto de uma geladeira nem pra beber agua. Caio da cama direto na cadeira do escritório, telefone que toca na hora do almoço e a pessoa diz que são só 11:30, desaforos a parte as vezes o cidadão liga as 8:00 da noite querendo que eu mande o mecânico rápido no cafundó do judas porque ele furou o congelador com a faca, ou então convite para licitação da geladeira do I.M.L, empregado que falta, desculpas esfarrapadas pra pagamento atrasado, dinheiro que não da que chega pras contas, Isso sem falar quando a geladeira da tua casa é que pifa.
Penso muito pois tenho tempo pra isso, sou mecânica também, estudei na escola técnica de São José, No começo eu gostava muito disso aqui, hoje estou cansada, tem dias que venho porque não tenho como faltar ( como faltar no emprego se teu quarto fica encima do escritório?). No meio disso tudo ainda tenho que administrar um relacionamento moderno de 17 anos ( eu moro com meus pais ele com os dele) com contas pra pagar, carro pra concertar, driblar minha sogra que insiste em um casamento convencional.( ela não sabe ainda, mais to perto de juntar minhas tralhas com as dele,hihihi ela vai ser a ultima a ser notificada).
Mas porque escrevi tudo isso? bem já vi minhas amigas de blog comentando como é difícil ser mulher, dona de casa e trabalhadora, Algumas são donas de casa em tempo integral por opção, escolherão esse encargo por desejo de filhos e de lar, mas esperam calmamente a volta ao batente outras encaram a dupla jornada e põe dupla nisso. Lendo o que elas falam sobre isso descobri que estou na fase "quero uma casa um tanque e um fogão pra chamar de meu"(kkkkkkk) não sei quanto tempo isso vai durar, mas que seja bom enquanto dure. Eu quero ser dona de casa sim. (Eu acho que consigo). Jesus escrevi um livro hihihihi. sera que alguem vai ler isso? Viu que chique eu e o bichinho de estimação da empresa, claro que no fim do dia o sapato já foi pro espaço hihihihi.

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Produzindo!!


Produzindo: Essa fiz no sabado a tarde, tinha um jantarzinho na minha cunhada e sabe como é mulher né. Ela é pequena só cabe minha carteira, e o batom mas é um doce.

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Eu e o blog.




Meu cerebro hoje esta a mil, começei a pensar, nas minhas amiguinhas de blog. Eu sempre tive muitos amigos, mas eram todos meus vizinhos, todos pertinho de mim. Agora com blog tenho conversado e bisbilhotado a vida de gente em todo canto do mundo, num clik vou do rio grande do sul ao distrito federal, de portugal ao japão, ate pro russo eu tenho olhado. É muito interessante pensar, que vc le o que alguem lá do outro lado do mar ta escrevendo e bate certinho com teus sentimentos, Quando vc ta triste e faz aquele post terremoto meninas que vc só viu em foto te estendem a mão com palavras de solidariedade, ou então le aquele post da gatinha e pensa poxa essa pensa igual a mim, é completamente pirada.
Eu ja dei gargalhada, já chorei , fiquei indignada, dei meu apoio tudo isso sem sair de minha cadeira.
E me pego pensando o que será que minhas amiguinhas virtuais estão fazendo agora. Isso é muito maluco. Em cada canto formando uma teia existem mulheres e homens conversando trocando ideias, aprendendo algo.
Eu leio o blog da Roberta que ,que le o blog da Marília que le o da outra Roberta, que le o calcinha frufru que me le. eu começo tudo de novo lendo as Robertas, a Helena, a Ana, a Lu e assim por diante. Em algum lugar nesse momento tem alguem lendo isso que escrevi. Chega meu cerebro acabou de ferver HIHIHIHIHI !!!!!( e meu chefe acabou de chegar)

Caixa em patch sem costura,
Aprendi com minha amiga Cleusa da comu casinha de bonecas.
Feita com caixa de mdf, Isopor pluma, tecido cola e muita paciência essa é uma de minhas artes.Aceito encomendas.
Agora vou começar a produzir pra páscoa, dale coelhinhos.
Paninhos de prato, caixinhas, bichinhos tudo que esse meu cérebro amalucado imaginar.
Páscoa é tempo de renovação,e meditação então se eu sumir estou meditando quantos metros de tecido sera preciso pro coelhinho novo da vizinha.hihihihi