Minha família

Minha família
Turma da pesada!!!!

Seguidores

Essa aqui sou Eu!!!!!

Minha foto
Tenho 43 anos, pinto, bordo, costuro e ainda trabalho fora. Comecei cedo a brincar com artesanato,Meu primeiro trabalho nunca esqueci, um beija flor alaranjado(so tinha um vidro de laranja e um de preto) mas acho que ficou interesante pois minha mãe me encheu de tinta e pinceis, tinha 12 anos e pintava com uma furia. naquele tempo não havia variedade de revista, só riscos que comprávamos na papelaria. pintei com a cara e a coragem por 6 anos até que fui fazer curso na profissional ai endoideci fiz pintura, arte aplicada, flores, bordado a mão, corte costura tudo que aparecia eu encarava. Fui seguindo o artesanato por todos esses anos, uma aulinha aqui, uma revista ali, tudo que aparece-se na tv. Até que achei a net, ai pirei de vez, todo dia acho algo novo que com um pouquinho de paciência consigo aprender. Sou isso uma Artesã com muito orgulho!!!!!

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Canela de demolição


Já fui chique e imponente, era a mais alta entre todas até o dia em que tombei perante o homem.
Me apavorei não sabia oque viria depois da queda. Fiquei lá dias esperando, alguem veio,  me alisou
e fez as contas de quanta madeira eu renderia, acertou o preço e tabuas eu virei.
No começo era tudo novidade, um jovem casal começando a vida, crianças crescendo e me rabiscando.
Com uma mão de tinta aqui, outra ali, muitos sonhos e tristezas eu presenciei.
O tempo senhor de tudo levou  minha juventude, a tinta desbotou, as paredes escureceram,  as crianças se foram, O jovem casal deu lugar aos velhinhos na beira fogão. Primeiro ela depois ele foram juntar-se ao criador.
Eu fiquei sozinha, ninguém me queria, só o vento vinha assobiar pra mim.
Um dia  uma das crianças voltou homem feito, cabelo branco e ar distante.
Me alisou e negociou, novamente voltei a ser um monte de tabuas, apavorada esperei como no dia da minha queda. Fui pro deposito junto com outras como eu. Um dia fui arvore no outro tabua, depois casa e agora estou esperando pra ser armário.Algo que nem demorou muito.
O dia chegou, já estou a meses na vitrine da loja quando a moça entrou alisando a barriga saliente e dizendo que queria uma cristaleira. Em meio a conversa descobri que tenho um nome novo e chique, agora sou Canela de demolição. A moça me alisando pensou em quanta coisa eu deveria ter visto e decidiu que agora era vez dela fazer parte da minha historia.

Hoje em dia estão na moda os moveis feitos com madeira de demolição. Casas antigas pelo interior de nosso pais foram construídas com madeiras nobres que hoje tem um valor altíssimo de mercado.
Com o preço elevado abriu-se um  espaço novo  que visa suprir a demando dessas madeiras aproveitado antigas residencias que ao serem demolidas em vez de virarem entulho nos lixões, são selecionadas e dão vida  aos mais variados itens. Eu comprei uma cristaleira por dois motivos : amo o moveis antigos e gosto de pensar que evitei a derrubada de mais uma arvore.
Ps: as fotos são da Net e não sei a origem mas se ela for sua ficarei feliz em lhe dar os creditos.