Ultimas noticias!

A horta

 Na primeira trégua da chuva observei o "jardim", misturado as flores da estação vi o que pareciam cebolas,   mais adiante cenoura...

1ª Feira de artesãos !!!

1ª Feira de artesãos !!!
Guarda do cubatão Palhoça

Minha família

Minha família
Turma da pesada!!!!

Seguidores

Powered By Blogger

Essa aqui sou Eu!!!!!

Minha foto
Tenho 49 anos, pinto, bordo, costuro e ainda trabalho fora. Comecei cedo a brincar com artesanato,Meu primeiro trabalho nunca esqueci, um beija flor alaranjado(so tinha um vidro de laranja e um de preto) mas acho que ficou interesante pois minha mãe me encheu de tinta e pinceis, tinha 12 anos e pintava com uma furia. naquele tempo não havia variedade de revista, só riscos que comprávamos na papelaria. pintei com a cara e a coragem por 6 anos até que fui fazer curso na profissional ai endoideci fiz pintura, arte aplicada, flores, bordado a mão, corte costura tudo que aparecia eu encarava. Fui seguindo o artesanato por todos esses anos, uma aulinha aqui, uma revista ali, tudo que aparece-se na tv. Até que achei a net, ai pirei de vez, todo dia acho algo novo que com um pouquinho de paciência consigo aprender. Sou isso uma Artesã com muito orgulho!!!!!

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

No tempo da Magia.

Na prateleira da biblioteca a uns 30 anos atras eu encontrei uma escritora blumenaense de nome diferente mas que escrevia de forma tão leve que me apaixonei. Os 3 livros devorei em uma semana. e guardei na lembrança o nome da autora.
Outro dia lendo o jornal  uma pequena cronica  me chamou a atenção e no final la estava o nome novamente: Urda Alice klueger.
 Depois de mais alguns dias  quem passa na minha barraca da feira? A mesma escritora, agora com um livro novo debaixo do braço.
Não perdi tempo Puxei assunto e contei da mnha admiração por seu escritos.
Um livro pra chamar de meu com dedicatoria e tudo!!!

                                                        No tempo da Magia.
                                                       Urda Alice Klueger
Edu Pitti saiu das paginas do livro e veio sentar se ao meu lado enquanto eu devorava o pequeno romance da sua vida. Chorei com  sua mãe, sorri com as travessuras de Edu . Vi fadas nas petalas de orquidia do Jardim. Imaginei  as cores do retrato. E todos os seres magicos que abitão nossos jardins desfilando no sussuro da voz  de Edu no meu ouvido. Agora quando vejo a Gaivota penso em Edu Pitti.

Se gosta de romane  com fadas e duendes é prato cheio pra saborear devagar pra não perder nada.

Nenhum comentário: